quarta-feira, agosto 17

sábado, agosto 13

Showguide destaca "A Feira"

O texto, da consagrada autora paraibana Lourdes Ramalho, retrata com fortes cores e ricas nuances, o retrato mais fiel do dia-a-dia do povo sertanejo. Ambientado numa feira nordestina (ou em qualquer parte do mundo) enfoca a descoberta das múltiplas possibilidades de vida, no encontro dos mais diversos tipos de habitantes das zonas rurais e urbanas, ilustrando com humor e tranqüilidade, o campo de choques sociais. Sonhos, ilusões vêm à tona numa avalanche de imagens onde se conta com o riso ao lado do choro – mentalidade marcante desse povo flagelado. Num ritmo frenético, inerente de uma feira, a autora trata sempre de maneira polêmica e questionável a realidade brasileira misturada com crenças populares. A ousadia lingüística da autora delineia um retrato grotesco e provocante de um Brasil petrificado. Com Prazeres Barbosa (a Amélia de Insensato Coração), Taís Alves, Luciano Torres e Elmo Bastos outros.

Serviço: Teatro Ipanema - Rua Prudente de Moraes, 824. Tel: 2523-9794. Quintas, às 21h. Ingressos: R$ 40,00 (inteira). Classificação: 12 anos. Duração: 90 minutos.
A premiação dos vencedores do "Festival de Teatro da Cidade" RJ
( Fotos Onofre Veras/ AgNews)
Clique e confira todas as foto no site



Image Hosted by ImageShack.us

sexta-feira, julho 29

" A FEIRA " em temporada no Teatro Ipanema - RJ
Depois de conquistar importantes prêmios no IX Festival de Teatro do Rio, espetáculo protagonizado por Prazeres Barbosa cumprirá temporada nos meses de agosto e setembro

O espetáculo “A Feira”, de Lourdes Ramalho, estará em cartaz todas as quintas-feiras de agosto e setembro, no Teatro Ipanema, no Rio de Janeiro. A partir desta quinta (4), o público carioca vai conferir um espetáculo essencialmente nordestino e dar boas gargalhadas com a atriz caruaruense Prazeres Barbosa e toda a equipe. O texto exalta a cultura popular nordestina, enfocando Caruaru e sua feira e já havia sido montado em Caruaru pela Companhia Prazeres Barbosa, em 2003.

A encenação é uma produção da Companhia de Teatro 3 Micos, liderada pelo ator pernambucano Reginaldo Celestino. No elenco, estão Prazeres Barbosa, Thaís Alves, Luciano Torres, Reginaldo Celestino, Wanderlucy Bezerra, Ary Rodrigues, Camila Motta, Júlio Raseck, Adriana Carneiro, Gleydson Costa, Myriam Pimentel, Jandir di Angelis, Ana Souza e Elmo Bastos.

Luciano Torres, Prazeres Barbosa
e Reginaldo Celestino

A estreia da nova montagem da “Feira” aconteceu durante o IX Festival de Teatro Cidade do Rio de Janeiro, no dia 17 de maio, no Teatro Princesa Isabel, em Copacabana. O espetáculo foi encenado um dia antes das comemorações dos 154 anos de Caruaru e rendeu prêmios importantes ao elenco. Prazeres Barbosa recebeu o Troféu Arlequim de melhor atriz, Luciano Torres, que também é caruaruense, foi escolhido melhor ator e Reginaldo Celestino melhor ator coadjuvante. “A Feira” ainda foi indicada a melhor espetáculo.

Reginaldo Celestino

Vivendo há quatro anos no Rio de Janeiro, Prazeres tem a oportunidade de estrear nos palcos da Cidade Maravilhosa depois de se despedir em grande estilo de Amélia, a sua personagem na novela Insensato Coração. A atriz considera este o seu melhor papel na televisão até aqui, contracenando com grandes nomes da dramaturgia como Tarcísio Meira e Glória Pires. “Sou uma atriz essencialmente teatral. Minha vinda ao Rio de Janeiro foi o início da realização do meu maior sonho: fazer parte da teledramaturgia brasileira na Rede Globo de Televisão”, afirma Prazeres.

Nestes quatro anos a atriz participou de cinco filmes, seis novelas e dois especiais na emissora da família Marinho. “O teatro chegou no tempo certo e no momento adequado, pois o encaro como sendo o bordado da vida do ator, pois nele não há monotonia e o público é o outro personagem. Essa troca não se define, se sente!”, explica Prazeres. “Toda estreia é como um terremoto. Não importa o tempo que leve, cada encenação é única, pois o público também é único. Ser atriz é viver emprestada, e essa é a delícia porque a vida cria o conflito e o teatro resolve”, acrescenta.

Caruaru de Vitalino

Em sua estreia nos palcos cariocas, Prazeres mostra que continua fiel às origens. Logo na abertura, a sua cidade é cantada nos versos de “Caruaru de Vitalino”, poema musicado escrito pela própria atriz. E como não poderia faltar, a trilha sonora inclui a “Feira de Caruaru”, de Onildo Almeida. O espetáculo utiliza a linguagem de cordel e instrumentos como o pífano. Para dar um toque de autenticidade ao cenário, adereços foram levados de Caruaru, a exemplo de painéis do artista plástico Jorge Souza; máscaras de Benício Júnior e os famosos mamulengos de Sebastião Alves, o “Seba”.

A atriz destaca que apesar dos troféus conquistados no Festival do Rio, a pauta no Teatro Ipanema não sofreu nenhuma influência da premiação. “O mérito veio pela qualidade do texto de Lourdes Ramalho, a esmerada direção de Francisco Torres e um elenco afinado. Esses foram os ingredientes que garantiram a pauta. Fazer teatro é difícil em qualquer lugar do mundo, entretanto quando se tem trabalhos, sucessivos, de boa qualidade, como é o caso da Cia de Teatro 3 Micos, do ator e produtor Reginaldo Celestino, pernambucano de Bom Jardim, radicado no Rio há 16 anos, as portas estão sempre abertas. Esta temporada é o início de uma sucessão”, acredita.

Prazeres também está confiante quanto à receptividade do público. “Costumo dizer que Caruaru é o colo da mãe amada; o cheirinho do cuzcuz, com galinha guisada, depois de uma jornada de trabalho; o canto do sabiá aos ouvidos do poeta. Os cariocas têm bom gosto e estou certa de que a aceitação vai ser surpreendente. Não quero perder minha urbanidade”, conclui. “A Feira” estará em cartaz todas as quintas-feiras de agosto e setembro, a partir das 21h, no Teatro Ipanema, localizado na rua Prudente de Morais, 824, Ipanema (RJ). Ingressos estão à venda na bilheteria e no site: www.ingresso.com

terça-feira, julho 26

Festa para o teatro no galpão das artes de Limoeiro - CADERNO VIVER - DIÁRIO DE PERNAMBUCO - Edição de sexta-feira, 18 de março de 2011
O pontinho de cultura Galpão das Artes, em Limoeiro, completa 10 anos de atividades organizando a Semana do Teatro, que começa neste domingo, com um espetáculo convidado. O infantil Minha cidade (foto), do Grupo de Teatro Marco Zero, contará com duas sessões: às 10h30 e às 17h30. A peça retrata a construção de uma cidade imaginária, com a ajuda das crianças para decidir como ela será. O espetáculo é baseado numa pesquisa de Ana Elisabeth Japiá, na tentativa de promover um diálogo sobre o espaço onde vivemos.

´Neste sábado, vamos promover uma oficina de arte-educação com Chico Domingues, direcionada principalmente a professores que trabalham com o universo lúdico`, explica Fábio André, produtor do Galpão, lembrando que o local atua com projetos de contação de histórias, além de pesquisar brinquedos populares, como o mamulengo, o mané gostoso e a peteca.

As outras atrações da Semana do Teatro do Galpão das Artes são Decripolou totepou, outro espetáculo infantil, protagonizado pela atriz, palhaça e bonequeira Odília Renata Nunes, com apresentações de segunda a sexta-feira, às 9h30, e ainda duas montagens do próprio espaço cultural de Limoeiro: No humor como na guerra, no dia 25 de março, às 20h, com direção de Charlon Cabral; e A revolta, no dia 26, também às 20h, com direção de Jadenilson Gomes.

O Galpão das Artes fica à Avenida Severino Pinheiro, 329-A, Limoeiro. Ingressos custam R$ 6 (antecipados, à venda na Água de Cheiro de Limoeiro); no local custa R$ 10 (preço único). Informações: (81) 9684-0567.

Parabéns ao Pontinho de Cultura Galpão das Artes esses são os sinceros votos deste Blogueiro e amigo a toda esta equipe maravilhosa que engrandece o nome de nossa cidade levando cultura e magia.

Veja o depoimento da atriz Prazeres Barbosa

O PRÊMIO PERTENCE AO VENCEDOR!

A conquista do POUCO tem sido o combustível necessário para o ganho do MUITO. É assim que defino o caminhar desse EMBAIXADOR DA CULTURA LIMOEIRENSE, Fábio André – leia-se GALPÃO DAS ARTES.
Consciente de que no projeto do outro somos SUJEITO INEXISTENTE, Fábio André soube focar seus objetivos, abrir caminhos e conquistar parceiros, tornando-se SUJEITO PRINCIPAL no contexto arte educação da cidade de Limoeiro e Região.
Sou testemunha ocular dessa determinação, pois Fábio soube, com galhardia, enfrentar desprezo, quebrar barreiras, vencer preconceitos, sem nunca deixar de acreditar a viabilidade dos seus sonhos. Essa destreza tem feito a diferença no cenário artístico e educacional, do interior pernambucano. Assistimos, hoje, a coroação desse destemor, pois a palavra IMPOSSÍVEL foi extinta no dicionário da família GALPÃO DAS ARTES.
Parabéns, meus queridos! Amo vocês!
APLAUSOS!!!

Prazeres Barbosa – atriz
Rio de Janeiro, 18/03/11

site: http://marciowanderley.blogspot.com/2011/03/festa-para-o-teatro-no-galpao-das-artes.html

Ator bonjardinense é flagrado
passeando com atriz da Globo
Reginaldo Celestino é clicado passeando pela orla da Cidade de Niterói - RJ, com sua amiga Prazeres Barbosa, em um dia de folga.

O ator bonjardinense Reginaldo Celestino é clicado passeando pela orla da Cidade de Niterói-RJ, com sua amiga Prazeres Barbosa, em um dia de folga. Tudo é só alegria, momento em que acaba de ser premiado.

Depois de Faturar o Troféu Arlequim de melhor ator coadjuvante no IX Festival de Teatro da Cidade do Rio de Janeiro, ao lado de Pazeres Barbosa ( A “Amélia” da Novela Insensato Coração ), e grande elenco no Espetáculo “A FEIRA”, nosso amigo Reginaldo Celestino, entra em temporada no Teatro Ipanema, no Rio de Janeiro, no próximo dia 04 de agosto (quinta-feira), ficando em cartaz até 29 de setembro, sempre às 21h.

Reginaldo iniciou sua carreira em teatro, ainda criança, participando de muitos espetáculos em nossa cidade, hoje morando no Rio de Janeiro, se orgulha muito em ser de nossa Bom-Jardim.

“Ser Bonjardinense é uma força maior que me deixa cada dia mais teimoso e feliz por estar em realizações constantes. Tive a sorte de seguir uma carreira profissional que sempre desejei. Não me vejo fazendo outra coisa. Tive meu berço da arte nesta cidade, aí tudo começou e o continuar foi uma consequência da vida e sorte”, destacou Reginaldo.


Fonte:
http://bomjardimnoticias.com/2011/07/20/ator-bonjardinense-e-flagrado-passeando-com-atriz-da-globo/


FOTOS - ARQUIVO
Prazeres Barbosa interpretou a mãe de Renato Aragão e o ator Frank William fez o humorista aos quatro anos (Foto: TV Globo/Estevam Avellar
Prazeres Barbosa e Amilton Monteiro vivem Dinorá e Paulo Aragão, pais de Renato Aragão (Foto: TV Globo/ Estevam Avellar)

domingo, julho 24

01 - Como surgiu a idéia de virar atriz?

Eu não “tive a idéia” de ser atriz. Acredito que nasci atriz, mas só aos 32 anos tive a oportunidade de me exercitar como tal.

02 - Existiu algum filme ou atriz que você se inspirou para começar a carreira?

Não. Sou quem sou ou o que sou, se é que sou, por intuição, vocação, persistência...

03 - Que prêmios você já conquistou?

Tenho dezenas de prêmios, no teatro. Cada qual com o seu valor próprio. Apenas um prêmio, no cinema, com o filme: América au Poivre, de Nelson Caldas.

04 - Quais trabalhos você já realizou na televisão?

01 - “A DIARISTA” – personagem: Sogra de Marinete - setembro/2005

02 - “A PEDRA DO REINO”- Microssérie. Dir. Luiz Fernando Carvalho – 2006. Personagens: Comendador Basílio, Euzébio Monturo, Prazeres (dona do bordel) e uma mulher fanática do sebastianismo.

03 - “A DIARISTA” personagem: outra Sogra de Marinete – julho/2007

04 - “DUAS CARAS”, novela das 8h, de Aguinaldo Silva – personagem: Shirley -outubro/2007

05 - “POR TODA MINHA VIDA” – Homenagem a Chacrinha– Personagem: Aurélia, mãe de Chacrinha aos 19 anos.– agosto/2008

06 - “A FAVORITA” novela das 8h. de João Emanuel Carneiro – personagem: Tia Raimunda - janeiro/2009

07 - “MALHAÇÃO” – Novela das 17h. Personagem: dona Lourdes - maio/2009

08 - “CAMA DE GATO” novela das 6h. de Thelma Guedes e Duca Rachid - personagem: Maria,outubro/2009

09 – “TEMPOS MODERNOS” – Novela das 19h. de Bosco Brasil – personagem: Rondônia, janeiro/2010

10 “EU SOU RENATO ARAGÃO” ESPECIAL DIDI 50 AN0S de Gustavo Nogueira e Maurício Arruda –personagem: Dona Dinorá – Direção:Teresa Lampréia e Jayme Monjardim – dezembro/2010

11- “INSENSATO CORAÇÃO” – Novela das 21h, de Gilberto Braga e Ricardo Linhares - personagem:Amélia - Janeiro/2011

05 - No cinema?

01 - “As Videntes de Cimbres” - Alberto Sales - curta - 1992

02 - “América au Poivre” - Sérgio Oliveira (Melhor Atriz XIX Guarnicê de Cine e Vídeo)1995

03 - “O Baile Perfumado” - Lírio Ferreira – longa - 1995

04 - “O Dia em que Roberto Faltou” - Especial TV Viva - 1995

05 - “O Cangaceiro” - Aníbal Massaíne - longa - 1995

06 - “Caminhos de Monte Santo” Valdir Oliveira - Rede Globo/NE – 1996

07 - “Chega de Cangaço” - Marco Hanois –curta - 1998

08 - “Espelho D’Água” - Marcus Vinícius Cezar – longa -2001

09 - “As três Marias” - Aluízio Abranches - longa - 2002

10 -“Árido Movie” - Lírio Ferreira - Longa - 2003

11 - “A Máquina” – João Falcão e Adriana Falcão - Longa – 2004

12 - “Canta Maria” Francisco Ramalho Jr. – longa – 2005

13- “Agreste Adentro” Eduardo Morotó curta – 2006

14 - “The Expendables” – Sylvestre Stalonne –longa- 2009

15- “AS VIDAS DE CHICO XAVIER”- longa Marcos Bernstein – dir: DanielFilho. Assist: Cris D´Amato. Gravado nos Estúdios Herbet Hichers, RJ – longa abril /2010

16 - “TROPA DE ELITE 2” –Bráulio Montovane – dir. José Padilha. Assist. Daniel Lentini - longa 2010

17 – “Qualquer” – Felipe David Rodrigues – longa – abril/2011

18 – “Eu nunca deveria ter voltado”- Eduardo Morotó – curta – abril/2011

06 - Como foi contracenar com Sylvester Stallone?

Eu não falo inglês, nem ele português. A cena aconteceu naturalmente, entretanto vê-lo diante de mim foi surpreendente e inesquecível.

07 - Como foi a premiação do Tropa de Elite 2?

Viver momentos de premiação é sempre muito especial, ainda mais sabendo que você contribuiu para a sua realização. Encheu-me a alma e o coração de orgulho!

08 - Como foi a sua reação quando soube que seria feito um livro contando sua vida?

Pensei que estava assinando meu atestado de óbito, afinal uma biografia, em vida, é algo extraordinário, concorda?

09 - Qual foi a maior emoção que você já teve na vida?

O lançamento do livro “Prazer em Conhecer – Seis décadas de Prazeres Barbosa”, do jornalista Fernandino Neto, no teatro do SESC-Caruaru, na noite de 23 de setembro de 2010.

10 - Quais são os projetos futuros?

Na busca de novos projetos, fecho os olhos e meu espírito voa. Palavras, pouco transforma; atitudes, sim! Esta é minha nova fórmula de viver a vida. Não quero ter medo de viver, mas ter cuidado. Em agosto e setembro, estarei em temporada com o espetáculo A FEIRA, de Lourdes Ramalho, no Teatro Ipanema, no Rio de janeiro, todas as quintas, às 21h. Deus está preparando a colheita!

11 - Quando vamos ter o prazer em ter peças suas em nossa cidade?

Costumo deixar canais abertos pra qualquer possibilidade. Deus continua delineando a minha caminhada.

12 - Atualmente você representa Caruaru fazendo sucesso nas novelas da Globo, qual é a mensagem que você deixa para os caruaruenses que torcem tanto pelo seu sucesso?

Estou no lugar que nunca acreditei que me fosse possível, portanto não deixem de sonhar!

Para conferir a entrevista no portal, acesse: http://caruaruonline.com/vs1/lerentrevista.php?id=201018

quarta-feira, julho 13

Depois de estrear com sucesso no IX Festival de Teatro do Rio de Janeiro, o espetáculo A FEIRA, de Lourdes Ramalho, protagonizado por Prazeres Barbosa estará em cartaz todas as quintas, a partir das 21h, no Teatro Ipanema (RJ), localizado na Rua Prudente de Morais, 824 - Ipanema.

Ingressos custam R$ 40,00 na bilheteria."Esteja você onde estiver, venha assistir A FEIRA. Cultura, beleza e entretenimento! Tô esperando você, viu? De Caruaru para o Rio de Janeiro!", comemora Prazeres Barbosa.

Saudades da Amélia... reveja todas as cenas da personagem

Para matar as saudades de Amélia, compartilhamos com todos vocês um vídeo com a síntese de todas as cenas da personagem em Insensato Coração. Assista e divirta-se. Prazeres Barbosa na Globo é Caruaru sendo divulgada no mundo inteiro.

sábado, julho 2

Prazeres Barbosa na entrega do
Prêmio "Rio sem Preconceito"


A atriz Prazeres Barbosa está se tornando presença constante em eventos badalados do Rio de Janeiro, depois da repercussão de seu trabalho na novela Insensato Coração. Na noite da última terça-feira (28), ela esteve no teatro Oi Casa Grande, zona sul do Rio, participando da entrega do “1º Prêmio Rio Sem Preconceito”, promovido pela Prefeitura do Rio e organizado pelo estilista Carlos Tufvesson da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual.

Jean Wyllys


Gracindo Jr

Gilberto Braga

Na ocasião, onde também foi celebrado o Dia Mundial do Orgulho de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais, 12 cidadãos considerados emblemáticos na luta contra qualquer tipo de preconceito, eleitos por um júri composto de jornalistas, receberam troféus e foram homenageados. A cerimônia foi comandada pelo cantor Toni Garrido e pela atriz Christiane Torloni.

Eu e Daniela Escobar

Zezé Mota

Prazeres Barbosa aproveitou para abraçar os autores de Insensato Coração, Gilberto Braga e Ricardo Linhares e seus colegas de elenco. Também bateu um papo com o ex-bbb Jean Wyllys, deputado federal pelo Psol Rio de Janeiro, um dos símbolos atuais da luta contra a homofobia no congresso nacional. Outra homenageada da noite foi Lucinha Araújo, mãe do cantor Cazuza e presidente da Sociedade que leva o nome de seu filho.


Confira a lista dos homenageados:

Lucinha Araújo, Presidente da Sociedade Viva Cazuza
Jean Wyllys, deputado federal
Preta Gil, cantora
José Junior, coordenador da ONG Afroreggae
Bruno Chateaubriand, apresentador e socialite
Michael dos Santos, jogador do Vôlei Futuro
Nilton Bonder, rabino
Luciano Huck, apresentador e empresário
Lea T, transexual e modelo
Carlos Ayres Britto, ministro do STF
Gilberto Braga e Ricardo Linhares, autores


Prazeres Barbosa participa
de eventos no Rio de Janeiro

Recebendo o carinho do ator Eriberto Leão

Prazeres Barbosa esteve na noite da última segunda, 27 de junho, no Centro Cultural Solar de Botafogo, na zona sul do Rio. A atriz caruaruense, que faz parte do elenco de Insensato Coração, recebeu convite para prestigiar o dramaturgo Ricardo Linhares, que participou de debate sobre sua carreira e sobre a trama global, promovido pelo Instituto Montenegro e Raman.


Ricardo Linhares entrevistado por Cristiana Oliveira

Linhares foi entrevistado pela atriz Cristiana Oliveira no projeto “Cenas de um autor”. Ele destacou a parceria com Gilberto Braga e adiantou um pouco do que vai acontecer com Norma (Glória Pires), Léo (Gabriel Braga Nunes), Marina (Paola Oliveira), Pedro (Eriberto Leão) e companhia.


Na foto, os atores Eriberto Leão, Rodrigo Andrade, Prazeres Barbosa,
o autor Ricardo Linhares (ao lado de Prazeres) e Helena Fernandes

Hoje à noite, Prazeres vai ao Teatro Oi Casagrande, junto com o elenco de Insensato. A novela será homenageada no evento Rio sem preconceito. “Hoje é festa, mesmo!”, comemora Prazeres.

terça-feira, junho 21

Prazeres Barbosa comenta sua participação na novela das nove e diz que Amélia é o seu melhor papel na televisão até aqui

Prazeres Barbosa acaba de se despedir de Insensato Coração, novela das nove, de Gilberto Braga e Ricardo Linhares. Intérprete da governanta Amélia, braço direito do milionário Teodoro Amaral (Tarcísio Meira), Prazeres entrou na trama em janeiro, no 36º capítulo, junto com Tarcísio. Para surpresa da atriz, a personagem foi conquistando espaço na trama e passou a se destacar ainda mais depois que Norma (Glória Pires) foi inserida em seu núcleo.


Com mais de dez trabalhos ininterruptos na emissora, em menos de quatro anos, Prazeres deixou o elenco de Insensato Coração no capítulo 132, veiculado no dia 18 de junho, após a morte do personagem de Tarcísio Meira. “Entrei e saí com Tarcisão. Neste momento, sinto-me na minha mais nova edição de vida, pois aprendi a não ter medo das incertezas. A cada produto finalizado deixa-me a certeza de que o espaço foi bem mais aproveitado”, explica a atriz.


A escalação para o elenco de Insensato Coração aconteceu quase por acaso. “Eu já estava escalada para a trama das sete, Morde e Assopra, de Walcyr Carrasco. Insensato Coração já estava no ar, quando fui surpreendida pela mudança de produto. Era o momento de Teodoro, personagem de Tarcísio Meira fazer uma participação, e com ele o seu núcleo. Fiquei muitíssimo feliz, pelo convite de André Reis, produtor, para interpretar Amélia. Daí em diante foi só alegria, pois o entrosamento foi imediato”, conta Prazeres.

O destaque de Prazeres na novela tem sido comentado pela população até nas redes sociais. Ela diz que por causa das muitas aparições na novela, passou a ser reconhecida e abordada pelas pessoas nas ruas. “Uns procuram a chance de brilhar, eu de viver, pois sei que posso voar além das nuvens. Não quero desistir de sonhar nunca! Deus tem um plano pra minha vida”, cita Prazeres. Outro ganho deste trabalho foram as parcerias em cena. Além de Tarcísio Meira e Glória Pires, ela trabalhou com Luigi Baricelli, Helena Fernandes, Nathália Thimberg, José de Abreu, Gabriel Braga Nunes e Paola Oliveira.

“A vida nos prega surpresas, uma delas foi a oportunidade de conviver, em bastidores e em cena, com grandes astros da TV brasileira. Cresci acompanhando o galã Tarcísio Meira. Belo, charmoso, talentoso, carismático. Tê-lo próximo massageia o ego de atriz. Quanto a Glória Pires, acompanhei sua trajetória, desde cedo, nas tramas globais. Ela é uma referência, pois sabe ser inteira em qualquer situação”, afirma. “Sinto que sou uma artista em ebulição, portanto movida a desafios. Diante disso, estou apostando em grandes mudanças, tanto no teatro como na TV”, acrescenta a atriz.


Projetos

Aos 61 anos, Prazeres Barbosa construiu uma sólida trajetória, iniciada na época em que era professora. Passou 25 anos em sala de aula, ensinando Português e Artes e já soma 29 anos no teatro. Nesse período, participou de 13 espetáculos, recebendo dezenas de prêmios de melhor atriz, o último foi conquistado no IX Festival de Teatro do Rio de Janeiro, em maio deste ano. A atriz caruaruense possui ainda, em seu currículo, 17 atuações no cinema brasileiro, participação em um filme internacional e 11 trabalhos na TV Globo.

Mecenas das Artes Cênicas de Pernambuco, ao lado de Ariano Suassuna e João Cabral de Melo Neto e agraciada com a Medalha do Sesquicentenário de Caruaru, distribuída aos 150 personagens que mais contribuíram para o progresso da cidade, Prazeres comemora ainda o fato de ter uma biografia em vida. “Depois de muitos encontros, presenteei Tarcísio Meira e Glória Pires com a obra de Fernandino Neto, “Prazer em Conhecer”. Fiquei maravilhada com a receptividade e perceber o brilho nos olhos, ao receberem o mimo. Momentos únicos que quero guardar para sempre. Tarcísio Meira e Glória Pires, minha mais nova aquisição de amigos”, comemora a atriz.

Mas as novidades não param por aqui. Prazeres Barbosa está se preparando para iniciar a temporada do espetáculo A Feira num teatro na zona sul do Rio de Janeiro e está cotada para o elenco de uma nova novela da Globo. “A maturidade nos ensina a priorizar as pequenas coisas e focar no que nos interessa. Esta é minha nova fórmula de viver a vida. Pretendo continuar vivendo um dia, por vez, pois o meu futuro é hoje. Em agosto, certamente terei novidades. Deus está preparando a colheita!”, conclui.
Após a morte de Teodoro, Amélia fica rica, decide se aposentar com a herança recebida e se despede de Norma. Assista às últimas cenas de Prazeres Barbosa na novela.




quinta-feira, junho 16

Dinorá Aragão (Prazeres Barbosa) Renato Aragão (Frank William) - Foto: TV Globo/Estevam Avellar

O especial de fim de ano ‘Nosso querido trapalhão’ comemora os 50 anos de Didi Mocó e a carreira de seu intérprete, Renato Aragão. Para o programa, Renato concedeu à jornalista Patrícia Poeta uma longa e emocionante entrevista, que é a base para a reconstituição de sua vida, em formato dramatúrgico. O especial tem direção de núcleo de Jayme Monjardim e direção de Teresa Lampreia. “Para mim, o Renato Aragão é o nosso Chaplin ou o nosso Mazzaropi. Além de um grande talento, ele tem uma história incrível de vida, que poucos conhecem e que vamos contar. Por exemplo, ele sobreviveu a um grave acidente de avião”, conta Jayme Monjardim. Os autores do programa são Gustavo Nogueira e Mauricio Arruda.

Família reunida - Foto: TV Globo/Estevam Avellar

Três atores interpretam Renato Aragão no especial. Vinícius de Oliveira, na fase jovem e adulta; Lucas Cavalcante, aos dez anos; e Frank William, aos quatro anos. Prazeres Barbosa e Amilton Monteiro vivem Dinorá e Paulo Aragão, os pais de Renato, caçula de oito filhos. A pequena Mariana Mamoré interpreta Lilian, que era muito fã do Didi e o conheceu no camarim, depois de um show, em 1972, muitos anos antes de tornar-se sua mulher.

‘Nosso querido trapalhão’ dramatiza momentos marcantes da vida de Renato. A infância em Sobral, no interior do Ceará, onde ele nasceu; o dia em que foi selecionado para ter um programa na recém-inaugurada TV Ceará; a vida na casa em Fortaleza; a criação do nome artístico Didi; sua convivência com a família; a relação com a obra de seu ídolo Oscarito; a mudança para o Rio de Janeiro e o encontro com Dedé, Mussum e Zacarias; e o dia em que beijou a mão do Cristo Redentor. “O Didi é meu alter ego e meu amigo, faz coisas que eu não teria coragem de fazer. Ele não tem idade, atravessa gerações”, diz Renato Aragão.

A dramatização da vida de Renato foi uma surpresa para ele, revelada durante a festa que comemorou seus 50 anos de carreira, organizada pela TV Globo, quando foi exibido um clipe do programa. Além da entrevista para Patrícia Poeta e da dramaturgia, também há no especial cenas gravadas em Aparecida do Norte (SP), onde Renato foi surpreendido por seus familiares, fãs e um coral quando entrou na basílica.

‘Nosso querido trapalhão’ será exibido pela TV Globo no próximo domingo, 26 de dezembro, após o ‘Fantástico’.


Teodoro (Tarcísio Meira ) fala com Amélia (Prazeres Barbosa) - Foto: TV Globo/Marcio Nunes

Teodoro (Tarcísio Meira) prepara uma surpresa para Gisela (Ângela Vieira) após mais um encontro romântico entre eles. Apaixonado, o viúvo pede ajuda para sua fiel escudeira Amélia (Prazeres Barbosa) para organizar um jantar de noivado. O que ele não desconfia é que Gisela escuta toda a combinação escondida no corredor sem ser vista. Ela aproveita quando ele sai para comprar um belo anel de compromisso e vai embora sem avisar ou se despedir. Oscar (Luigi Baricelli), Gilda (Helena Fernandes) e Serginho (Vitor Novello) são convidados para dividir esse momento importante com o tio. Ao voltar das compras, Teodoro é recepcionado pela notícia que Gisela foi embora. Com a ajuda de Serginho, descobre na internet o endereço dela em Curitiba, cidade em que mora, e decide procurá-la.

Oscar tenta tirar essa ideia de sua cabeça mas ele está irredutível e parte atrás da mulher amada. O sobrinho comenta com a mulher que investigou o passado de Gisela e descobriu seu segredo, ela é casada e tem uma família que mora no sul do país. Teodoro, que ainda não sabe de nada, chega na casa de Gisela e é recepcionado pelas filhas adolescentes de seu amor. A executiva tenta se explicar falando que era para ser somente mais uma de suas aventura, mas que se apaixonou por ele. Arrasado, Teodoro vai embora inconsolável. As cenas de Teodoro e Gisela foram serão exibidas a partir de segunda-feira, dia 11.

quarta-feira, junho 15

A atriz Prazeres Barbosa aproveitou os bastidores das gravações de Insensato Coração para presentear os colegas Tarcísio Meira e Glória Pires com um exemplar de sua biografia, Prazer em Conhecer, escrita pelo jornalista Fernandino Neto. Os três fazem parte do mesmo núcleo da trama de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, que vai ao ar todos os dias, às 21h, na TV Globo. O encontro aconteceu hoje (dia 7), no Projac.